Como fazer: Anti-Mofo Caseiro

Há um tempo me chamou a atenção a venda de um potinho com um pó branco nos supermercados, que prometia acabar com o mofo mas achei muito caro este produto custar na faixa dos R$ 7,00. Então, como curiosa que sou, li os ingredientes, e só dizia cloreto de cálcio e aditivos (os aditivos geralmente são para encarecer o produto rsrs).

Então resolvi fazer a cotação do Cloreto de Cálcio e pasmem, 1 kg custa apenas R$ 6,84 (cotado em 18/06/14), então com o preço de 1 potinho você compra 1 kg de reagente e consegue fazer 5 potes, o que foi o que fiz.

Materiais:

(desculpem a má qualidade das fotos, na hora eu achei que tinham ficado boas 😦 )

  • 1 kg de Cloreto de Cálcio em escamas (Paguei R$ 6,84 na Quiminorte);
  • 1 par de luvas (O cloreto de cálcio é uma base que em presença de água é altamente corrosivo, pois seu pH varia de 9 a 10, então se você não quiser ficar com a mão coçando, é melhor prevenir);
  • 1 colher de plástico (para pegar o cloreto de cálcio, como ele é corrosivo não é aconselhado utilizar utensílios metálicos);
  • Pratinho de vaso de planta (você escolhe de acordo com o tamanho do pote no qual irá colocá-lo. Paguei R$ 0,50 em cada pratinho no Lojão Astral);
  • Potes (Paguei R$ 1,99 em um conjunto com 3 potinhos no Lojão Astral);
  • Fósforo (usei para ligar a boca do fogão rsrs);
  • Chave de fenda (ou outro utensílio metálico para fazer os furos, sendo que estes devem possuir diâmetro baixo, para não acontecer de o cloreto de cálcio descer).

Métodos:

  • Com auxílio de uma chave de fenda (estragada, se fosse nova meu pai iria ficar #chateado) aquecida no bocal do fogão realizaram-se os furos no pratinho e na tampa do pote (acredito que seja possível utilizar uma furadeira , mas não sei ao certo se ela vai acabar quebrando a tampa devido ao impacto).

10437439_795379757147961_6564004747256948283_n

  • O pratinho foi inserido no potinho (é importante fazer esse teste na hora de comprá-los).

  • Adicionou-se Cloreto de Cálcio conforme a capacidade.

  • Adicionou-se um papel toalha no topo do potinho e o mesmo foi tampado.

  • Recortou-se as rebarbas do papel e toalha e voilà.

10420224_795389950480275_8801331586723331158_n

O Cloreto de cálcio por ser higroscópico, absorve a água presente no ambiente (e Joinville quase não tem umidade rsrs) e muda de estado sólido para líquido, por isso é importante deixar um espaço livre na parte de baixo do sistema, pois dessa forma a água formada não entra em contato com o cloreto de cálcio ainda na forma de pó, garantindo todo o seu aproveitamento.

Depois que o cloreto de cálcio for consumido, é só jogar fora o líquido formado e preencher o pote com mais cloreto de cálcio.

ATUALIZAÇÃO: 28/01/2017

Gente, agora na Quiminorte tem os potes vazios próprios para colocar o Cloreto de Cálcio por apenas R$ 2,00 (o para 80 g) e R$ 4,00 (o para 200g), então vale super a pena ir lá e comprar. Viram como as coisas mudam em 3 anos? Antes a gente tinha que fazer os potes e agora dá pra comprar eles prontos hahaha

sam_2809

1 semana depois e já tem água no fundo do pote:

sam_2810

Também cotei o kg do Cloreto de Cálcio que agora está R$ 8,50, ou seja, ainda vale a pena comprar os potes vazios e o kg do Cloreto de Cálcio 😉

A venda dele é liberada, não precisa de CNPJ (é que muitos reagentes químicos tem a venda restrita, pessoa física não consegue comprar! Governo não deixa você comprar Álcool 70% em loja de produto químico mas deixa comprar em farmácia e pagar o quádruplo por isso, vai entender?)